Síndrome da Mulher Perfeita


Mulher perfeita? Super mãe? Super dona de casa? Super esposa? Que esta sempre arrumada,que leva os filhos na escola, ajuda no dever, cuida da casa, trabalha, arruma tempo para ir ao salão, sair com as amigas e dar atenção ao marido?! Fazendo tudo isso como se estivesse brincando e dando a impressão que é tudo muito fácil?!

Você Vive a Síndrome da Mulher Perfeita ?

Pois bem, acredito que toda mulher tem um pouco da “Mulher Maravilha” dentro de si.

sindrome mulher perfeita

 

Temos a sensação que devemos ser perfeitas em tudo, e depois que nos tornamos mães essa sensação só aumenta. Não importa se temos condições ou não, sempre queremos estar prontas para ajudar e cuidar de tudo e de todos. E quando não conseguimos nos sentimos um fracasso!

Estamos sempre preocupadas em satisfazer as necessidades de todos, queremos que tudo saia conforme o planejado e queremos abraçar o mundo para poder solucionar os problemas de quem amamos e às vezes até de desconhecidos.

Nos cobramos para ter uma casa sempre linda, cheirosa e organizada. Filhos sempre arrumados, comida sempre feita,,etc.

Acreditamos que temos superpoderes para dar conta de todas as situações. Temos a sensação que se abrirmos mão de algo será o início do caos, e a culpa será nossa.

Quando nos tornarmos mães acabamos deixando de lado um pouco o nosso lado mulher e assumimos essa posição de Super Mãe, onde nos entregamos totalmente aos filhos. Vamos aos poucos ( e muitas vezes sem perceber! ) nos colocando em último lugar. Estamos sempre preocupadas em cuidar dos filhos, do marido e da casa.

Essa cobrança por sermos mulheres perfeitas não acontece do dia para noite. Essa cobrança vem desde a infância e quando nos casamos e temos filhos aumenta. O medo do julgamento de outras pessoas,sejam quem forem, nos ronda constantemente. Muitas vezes temos a sensação de estar em um campo minado, onde qualquer passo em falso pode ser fatal.  Nos comparamos com aquelas mulheres que vemos que sempre dão conta de tudo e um pouco mais (principalmente nas redes sociais!) sem nunca se estressar e estando sempre perfeitas. Temos que ter muito cuidado com essas comparações pois não sabemos o que se passa(de verdade) na vida do outro.

Mas porque é tão difícil a gente entender que não precisamos e nem podemos ser perfeitas? Porque não podemos aceitar que vamos falhar muitas vezes? Porque não podemos falar não para outra pessoa mas podemos falar para nós mesmas? A minha resposta é simples, não sei….

leia mais mae tempo integral - Síndrome da Mulher Perfeita

A culpa na maternidade

A necessidade de mudar

Eu tenho vivido esse período na minha vida,durante 30 anos acreditei que deveria ser perfeita. A filha perfeita, amiga perfeita, esposa perfeita, profissional perfeita,mãe perfeita. O medo de magoar e decepcionar outras pessoas sempre fez com que eu falasse não para mim mesma muitas vezes. Sempre acreditei que deveria colocar sempre o outro em primeiro lugar. Sempre imaginei que se não desse conta da minha família eu seria um fracasso. Na verdade ainda me sinto assim, pois esse é um sentimento que não vai embora tão fácil. Na verdade não sei se um dia ele deixa de existir, mas hoje estou trabalhando para aprender a conviver com ele. Fácil não é. A cada dia temos uma luta diária, uma luta interna.

Esse sentimento de querer ser a heroína para tudo e todos nos cobra um preço alto.

Para mudar essa situação a primeira coisa a se fazer é tentar entender que não somos perfeitas, não somos a mulher maravilha, não temos superpoderes,não somos capazes de carregar o mundo nos nossos braços. Como eu disse, esse é um trabalho diário. Precisamos abrir mão das expectativas que outras pessoas depositam em nós, precisamos aceitar que muitas vezes vamos falhar, mas que isso não nos torna menos mãe, esposa, mulher,amiga,filha….

Somos seres humanos falhos, cheios de defeitos e que muitas vezes precisa de ajuda.

Não tenha medo de pedir ajuda, não se sinta fraca por isso! Pelo contrário, uma das maiores lições que podemos ensinar é que pedir ajuda é um ato de coragem!

Quando estamos felizes conosco mesmo todos a nossa volta sentem….Não tenha pressa! Um dia de cada vez! E não se esqueça que você não precisa ser perfeita para ser amada!

pinit fg en rect red 28 - Síndrome da Mulher Perfeita